Hotel Savoy: conceção e projeto

Neste artigo descreve-se a conceção e o projeto do novo Hotel Savoy, com uma área de construção de aproximadamente 150.000m2, de uma estrutura adaptada à volumetria proposta pela arquitetura e às necessidades de vãos livres num conjunto estrutural coerente, com minimização de juntas estruturais. O edifício tem, no essencial, 3 pisos quase totalmente enterrados até ao nível da piscina e solário, numa área de implantação retangular de aproximadamente 220x100m2, depois dois pisos com uma largura reduzida variável entre 40m a 60m, enterrados de um dos lados, e, finalmente, 14 pisos elevados com alguma redução gradual do seu comprimento em altura.

Na estrutura não se consideraram juntas estruturais nos pisos com ligação às paredes de contenção, e a partir do piso 0 dividiram-se os pisos superiores em três blocos estruturais – A, B e C – como forma de aliviar os efeitos das deformações impostas, particularmente ao nível da distorção nos elementos não estruturais.

Salientam-se as necessidades de recorrer a soluções de transição de cargas, nomeadamente nos pisos 0 do bloco C e 2 do bloco A. O piso 0 na zona do bloco C é o teto de um centro de congressos com um vão transversal livre de 25 metros, com vigas-pré-esforçadas, que asseguram a transferência de cargas dos pilares por elas suportados. O piso 2 nos blocos A e B corresponde a um piso de transição geral onde se faz a transição de cargas, que permite passar da métrica de 7 a 9 metros dos pisos superiores para o dobro no piso principal ao nível da Av. do Infante.

Artigo em co-autoria com Filipe Reis da JSJ, Estruturas – Consultoria e Projectos de Engenharia, Lda.

José Câmara

Membro do Conselho Científico da Construção Magazine / Professor no IST

Se quiser colocar alguma questão, envie-me um email para jose.camara@tecnico.ulisboa.pt

Newsletter Construção Magazine

Receba quinzenalmente, de forma gratuita, todas as novidades e eventos sobre Engenharia Civil.


Ao subscrever a newsletter noticiosa, está também a aceitar receber um máximo de 6 newsletters publicitárias por ano. Esta é a forma de financiarmos este serviço.