Painéis multifuncionais com núcleo isolador

SmartCore é um projeto promovido pela Vicaima, ITeCons e Universidade de Coimbra que tem como objetivo o desenvolvimento de painéis multifuncionais com núcleo isolador, acústico e térmico. Os painéis, leves, de espessura reduzida e diferenciados a nível de sustentabilidade, podem ter diversas utilizações, nomeadamente como elementos de separação e compartimentação de espaços, de portas ou de encapsulamento de equipamentos.

Trata-se de uma candidatura surgida no âmbito do Sistema de Incentivos à Investigação e Desenvolvimento Tecnológico (SI I&DT), apoiado pelo FEDER e inserida na modalidade “projetos em copromoção” na tipologia I&D Empresas.

Os promotores do projeto consideram que apesar de as soluções de painéis de utilização corrente disponíveis no mercado terem evoluído, os paradigmas encontram-se próximos do limite. Consideram, por isso, fundamental repensar/reinventar as soluções existentes, desenvolvendo novos conceitos, inovadores e até disruptivos, que representem um contributo para a sustentabilidade na construção.

O objetivo é, pois, desenvolver novos conceitos de painel incorporando soluções de núcleo para isolamento acústico e térmico, inovadoras a nível mundial, para sistemas de compartimentação e separação, e encapsulamento de equipamentos. Procura-se maximizar desempenho, sem comprometer a operacionalidade com pesos elevados. Os painéis deverão ser suficientemente flexíveis para incorporar em diferentes tipos de soluções finas, como portas, painéis, divisórias ou encapsulamentos.

O projeto desenvolver-se-á em cinco fases:

  1. Estudos preparatórios e de Acompanhamento, que englobam a identificação de requisitos e especificações relativamente aos produtos, bem como a definição das exigências funcionais e dos requisitos de sustentabilidade ambiental;
  2. Conceção e Desenvolvimento do Material do Núcleo, que inclui a implementação de modelos para simulação computacional, a caracterização experimental de possíveis materiais para o núcleo dos produtos e a avaliação de requisitos de industrialização;
  3. Industrialização e Incorporação em Produtos, compreendendo a prototipagem à escala laboratorial e real;
  4. Validação Experimental e Avaliação de Desempenho, que envolve a caracterização dos componentes e acessórios em termos mecânicos e a avaliação da durabilidade dos protótipos à escala real;
  5. Caracterização Final de Produto, no âmbito da qual deverá ser desenvolvido um sistema de etiquetagem, deverá ser caracterizado o protótipo final e deverá ser avaliada a sustentabilidade.

Mais informação aqui: http://www.itecons.uc.pt/projectos/smartcore/index.php?module=sec&id=577&f=1

Newsletter Construção Magazine

Receba gratuitamente no seu email todas as novidades e eventos sobre Engenharia Civil.